Sem cinto, passageira morre ao ser lançada de camionete em capotagem

foto-Robertinho Maracaju speed.com

Os militares do Corpo de Bombeiros foram acionados pela Polícia Militar, por volta das 11:15h de ontem  (5), ao qual informavam que havia ocorrido um capotamento, na  rodovia BR 267, a cerca de 12 quilômetros do perímetro urbano de Maracaju e que no local haviam duas vítimas, sendo que uma estaria em estado grave.

Adelaide Prychodco Martins, de 81 anos, morreu no hospital após a capotagem da camionete modelo Nissan Frontier em que era passageira às margens da BR-267, em Maracaju, cidade que fica a 160 quilômetros de Campo Grande.

A vítima não usava cinto de segurança e teria sido lançada para fora do veículo durante a capotagem. O carro era conduzido pelo filho da vítima, de 54 anos, que teve apenas alguns cortes pelo corpo e uma possível fratura em um dos braços.

Mãe e filho seguiam sentido Guia Lopes da Laguna/Maracaju, quando o pneu traseiro do lado do passageiro estourou, causando o acidente. O veículo capotou por diversas vezes e parou completamente destruído em meio a uma área de lavoura, conforme o Maracaju Speed.

No local, o Corpo de Bombeiros já encontrou a senhora inconsciente e com vários ferimentos pelo corpo. Durante o descolamento ela ainda teve uma parada cardíaca, mas chegou com vida ao hospital, onde faleceu minutos depois

 

Adriano Fernandes
Pin It

Comentários estão encerrados.