Carlos Henrique e eleito presidente da câmara municipal de Sidrolândia G 9 virou G 12

Carlos Henriquino ao lado foto dr.Davi

Sidrolândia G 9 virou G 12

Após longos dias de organização e composição da nova mesa diretora da câmara municipal de Sidrolândia Carlos Henrique Nolasco de Olindo 37 anos, filiado ao PDT.foi eleito para o Biênio 2019/2020 Presidente do legislativo  G9 virou G 12 no dia da eleição

Com 12 votos a favor duas abstenções e um voto contra sendo o voto contra apenas do Vereador Edno Ribas: se abstendo do voto apenas o vereador Jean Nazareth, e o vereador Otacir Figueiredo(índio),

A surpresa para os presentes foi o voto favorável dos vereadores Carlos Henrique Tadeu (professor Tadeu MDB) e do vereador Jonas Rodrigues MDB. E Vereador Kenedy Forgarini  PP.

Todos os vereadores da oposição se justificaram que votariam e Carlos Henrique  apenas por companheirismo e parcerias do legislativo.

Já em seu discurso de posse o Presidente eleito Carlos Henrique  Olindo falou aos presentes  ‘’de hoje em diante não haverá mais perseguições iremos se unir em favor de Sidrolândia sempre respeitando o direito de cada um todos terão seu espaço e respeito deste presidente, quero ser um dos melhores presidente que esta casa já teve mas para isso acontecer preciso do apoio de todos, vou trabalhar muito para isso acontecer, podem contar com este vereador que esta sempre a disposição do povo de Sidrolândia’’ seguindo em seu longo discurso o vereador recebeu apoio de todos os presentes com uma calorosa salva de palmas em forma de apoio ao novo presidente.

Já o ex-presidente Jean Nazareth ( PT ) que está entregando a presidência do legislativo leva  na bagagem um número alto de processos por improbidade movidos pelo  ministério Público de Sidrolândia.

 Jean Leva também  rejeições da população por receber altas diárias e pagar altos valores ao vereador Edno Ribas, sendo considerado pelo povo como Rei das diárias de Sidrolândia.

Jean durante os últimos meses não conseguiu agregar voto para aprovar os projetos do prefeito Marcelo Ascoli, Jean Nazareth terá outro final de ano com um amargo doce de derrota.

Pin It

Comentários estão encerrados.