60 moradores de assentamentos receberam capacitação de primeiros socorros

Pela primeira vez os treinamentos que podem salvar vidas foram proporcionados à área rural

O Projeto “Prevenir para Salvar” – Capacitação de Primeiros Socorros na Comunidade, foi levado a 60 moradores de assentamentos do município de Sidrolândia, considerados como referência nas localidades onde vivem.

Através de articulação pelo prefeito Dr. Marcelo Ascoli, primeira-dama Ana Lídia e pelo presidente da Câmara Municipal Jean Nazareth, a Prefeitura firmou parceria com a Fundação Centro de Estudos da Santa Casa “Dr. William Maksoud” – realizadora do projeto – que foi idealizado para atender comunidades da periferia de Campo Grande.

– Estive com a primeira-dama em conversa com a responsável técnica Ionise Piazzi, e a Ana Lídia pediu a realização desta ação nos assentamentos de Sidrolândia. Buscamos parceiros, o presidente da Câmara Jean Nazareth nos auxiliou, e através de articulação política foi possível a Prefeitura viabilizar com a Fundação Centro de Estudos o atendimento para os assentados – explicou o prefeito, Dr. Marcelo Ascoli.

Concretizada a parceria, a primeira-dama solicitou à responsável técnica Ionise Catarina de Oliveira Piazzi a realização da capacitação de primeiros socorros em duas regiões, com representantes de diversos assentamentos de Sidrolândia.

60 moradores/referência participaram

No sábado (01/09) pela manhã, duas localidades receberam simultaneamente a capacitação, com 30 participantes em cada uma delas. A atividade ocorreu na Escola Municipal Eldorado que fica no Assentamento Eldorado, e na Escola Municipal Monteiro Lobato localizada no Assentamento Capão Bonito II.

Os 60 participantes escolhidos, são considerados moradores referência nos assentamentos onde vivem. São aqueles que geralmente são lembrados nos momentos em que a comunidade recorre a alguém para auxiliar em algum acontecimento.

Esta foi a primeira vez que uma ação desta natureza, de suma importância para quem vive na área rural, foi realizada no município de Sidrolândia.

O objetivo geral do projeto é promover a saúde através da orientação da população inserida em comunidades em estado de vulnerabilidade social, sobre condutas de primeiros socorros.

Diz ainda o projeto, que “conhecimentos simples muitas vezes diminuem o sofrimento, evitam-se complicações futuras, e podem inclusive em muitos casos salvar vidas”.

Temas abordados no treinamento

Principais acidentes domésticos e sua prevenção; princípios fundamentais de primeiros socorros; primeiros socorros em urgências clínicas; e em situações de acidentes.

Secretarias parceiras

A primeira-dama Ana Lídia Ascoli enalteceu o empenho das Secretarias Municipais na parte que cabe à Prefeitura de Sidrolândia a parceria.

– Estamos muito felizes com o empenho de cada envolvido nos trabalhos de competência da Prefeitura. A Assistência Social ficou com a responsabilidade da alimentação das equipes, a Saúde com o transporte e mobilização dos participantes, a Educação disponibilizou os locais para a capacitação, e a assessoria da Câmara Municipal com o presidente Jean Nazareth também ofereceu todo o suporte necessário para que o Município pudesse cumprir com o combinado com a Fundação Centro de Estudos, à qual queremos agradecer imensamente por nos atenderem – salientou a primeira-dama, referindo-se ao fato de que Sidrolândia é o único município do interior a receber a capacitação, já que este projeto é destinado às periferias de Campo Grande.

Os parceiros

O Projeto “Prevenir para Salvar” – Capacitação de Primeiros Socorros na Comunidade é realizado pela Fundação Centro de Estudos da Santa Casa “Dr. William Maksoud” e organizado conjuntamente pelo Rotary Club de Campo Grande São Francisco, Liga Acadêmica do Trauma e Emergência Médica da UFMS – LATEM, Liga de Emergência e Trauma da Universidade Anhanguera Uniderp – LET, Liga Acadêmica de Enfermagem da UFMS – LAETES, Acadêmicos do Curso de Enfermagem da UCDB.

fonte assessoria

Pin It

Comentários estão encerrados.